Estudo da Bíblia: Números 16-36

A REBELIÃO DE CORÉ, DATÃ E ABIRÃO
Números 16 → Coré, coatita de Levi, Datã e Abirão, da tribo de Rúben, e mais 250 filhos de Israel (coatitas) se reuniram contra a liderança de Moisés, contra o sacerdócio ordenado por Deus a Arão e contra a jornada no deserto.
Penas para os rebeldes:

  1. Coré foi engolido pela terra com sua família e pertences, à porta do Tabernáculo (conforme Números 26:11, os filhos de Coré não se juntaram a ele na rebelião e ficaram vivos; os filhos de Coré – os coraítas – foram autores dos Salmos 42, 44-49, 84, 85, 87 e 88);

  2. Datã e Abirão não se apresentaram no tabernáculo, ficaram em frente de suas próprias tendas, mas também foram tragados com suas famílias e pertences;

  3. Os 250 homens que queriam oferecer incenso morreram queimados, e os incensários foram transformados numa tampa como memorial.

  4. 14.700 pessoas morreram no dia seguinte de praga por acusarem a Moisés e Arão de terem matados os rebeldes, desconsiderando a ação divina.

Amêndoas e sua flor

A VARA DE ARÃO FLORESCE
Números 17 → Para confirmar o sacerdócio de Arão, Deus pediu que fossem reunidas 12 varas de do líder de cada tribo; cada vara teve gravado o nome da tribo, exceto a de Levi, que Deus pediu que gravasse o nome de Arão; a vara que florescesse era o sinal de qual líder e tribo Deus havia escolhido para o sacerdócio.
As varas foram reunidas no Tabernáculo, no dia seguinte, somente na vara com o nome de Arão tinha flores e amêndoas. As varas de todos os líderes foram devolvidas, exceto a de Arão, que foi guardada dentro da Arca da Aliança.

DEVERES E DIREITOS DOS SACERDOTES E LEVITAS
DIREITOS (Números 18:8-20) → Primeiros frutos, primogênitos dos animais (carne, peito e ombro direito), todos os dízimos por herança; os homens meraritas (linhagem sacerdotal) podiam comer das coisas santíssimas no lugar santíssimo; mulheres e homens, dos levitas, podiam comer das ofertas alçadas em suas casas.
DEVERES (Números 18:8-20) → Cuidar do Tabernáculo e das ofertas, o sacerdócio é serviço dos meraritas, oferecer o dízimo dos dízimos.

A PURIFICAÇÃO PARA QUEM TOCAR UM MORTO
Números 19 → Uma novilha vermelha era sacrificada e queimada fora do arraial. O ritual de purificação acontecia 3 dias depois de a pessoa tocar o morto, com as cinzas e água misturados e aspergidos pelo sacerdote. Ao 7º dia a pessoa fica pura.

O REGISTRO DA MORTE DE ARÃO E MIRIAM
Números 20:1 → Miriã morre aos 125 anos, no deserto de Zim, em Cades.
Números 20:22-29 → Arão morre aos 123 anos, no Monte de Hor, na data de 01/05/40 (Nm 33:38).

MOISÉS FERE A ROCHA 2x
Êxodo 17:1-7 → Em Refidim, no deserto de Sim. O lugar foi chamado de Massá e Meribá. Deus manda Moisés ferir a rocha, Moisés fere.
Números 20:2-13 → Em Cades, no deserto de Zim. O lugar foi chamado de Meribá. Deus manda Moisés falar à rocha, Moisés fere.
MASSÁ E MERIBÁ
Massá significa “teste” ou “tentação”. Meribá significa “ralhar”, “querelar” (sua raiz é rib ou rub), “rebelião”. Os dois termos (Massá e Meribá) tornaram-se sinônimos da “dureza de coração” e da “infidelidade” de Israel. (CHAMPLIN, 2001)

POVOS E CONQUISTAS NO CAMINHO
Edom (Nm 20:14-21) → O rei de Edom nega passagem. Deus não deu a terra de Edom para Israel.
Arade (Nm 21:1-3) → O rei de Arade, um cananeu, lutou contra Israel e levou prisioneiros. Israel fez um voto e destruiu as cidades dele. O lugar passa a se chamar Horma, do hebraico herem significa “destruição” ou “banimento”, que numa tradução literal significa: “devotados à destruição”.
Seom (Nm 21:21-31) → Israel solicita permissão para passar por Seom, além de negar passagem Seom guerreou contra Israel. Israel conquistou todas as cidades deles e habitou nelas. Cidades conquistadas: Seom, Arnom, Jaboque, Hesbom e aldeias.
Jazer (Nm 21:33) → Moisés envia espias e expulsa os amorreus de lá.
Basã (Nm 21:33-35) → Ogue, rei de Basã, sai à peleja contra Israel em Edrei. Israel vence a guerra e conquista o território.

Números 21:16-18 → Deus leva o povo a Beer, e ali concede água. O povo entoa um cântico:

“Brote água, ó poço!
Cantem a seu respeito,
a respeito do poço que os líderes cavaram,
que os nobres abriram com cetros e cajados”

OS NÚMEROS DE BALAQUE E BALAÃO
2x Balaque chamou Balaão
3x Balaão espancou a jumenta
4x Balaão abençoou o povo de Deus
2x Balaque preparou 7 altares, para Balaão sacrificar 7 bezerros e 7 carneiros

Números 22-25, 31:16 e Apocalipse 2:14 → Balaque, rei de Moabe, enviou mensageiros para chamar Balaão com o objetivo de amaldiçoar Israel. Balaão era profeta de Deus, mas se interessou pela recompensa prometida por Balaque. Não conseguindo amaldiçoar o povo de Deus, Balaão usou de outros meios para levar o povo abençoado a se tornar amaldiçoado: o povo de Israel pecou contra Deus ao cair na cilada preparada por Balaão e Balaque, fornicaram e comeram sacrifícios de idolatria. Entretanto, o final de Balaque e Balaão foi trágico: ambos morreram na guerra por ordem de Deus (Josué 13:22).

O NEGÓCIO DE BAAL-PEOR
Números 25 e 31:16 → Balaão fecha negócio com Balaque, moabita mais outros povos interessados na derrota de Israel, como os midianitas. O negócio consistia em persuadir os israelitas a pecarem contra Deus, para então serem rejeitados por Deus e perecerem diante deles. 24 mil israelitas morreram de praga.

Lista geneológica dos líderes [CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIAR]

O 2º CENSO DOS ISRAELITAS: comparação

CENSOS PARA A GUERRA

TRIBOS

1º RECENSEAMENTO
soldados de 20 anos para cima, todos que podiam guerrear (Nm 1)

2º RECENSEAMENTO após 38 anos

soldados de 20 anos para cima, todos os que podiam guerrear (Nm 26)

RÚBEN 46.500 ⬇ 43.730
SIMEÃO 59.300 ⬇ 22.200
JUDÁ 74.600 ⬇ 76.500
ISSACAR 54.400 ⬆ 64.300
ZEBULOM 7.400 ⬆ 60.500
JOSÉ EFRAIM 40.500 ⬇ 32.500
MANASSÉS 32.200 ⬆ 52.700
Total 72.700 ⬆ 85.200
BENJAMIM 35.400 ⬆ 45.600
62.700 ⬆ 64.400
ASER 41.500 ⬆ 53.400
GADE 45.650 ⬇ 40.500
NAFTALI 53.400 ⬇ 45.400
LEVI [ ⬆ 23.000 – para serviços sacerdotais]
TOTAL DO CENSO 603.550 ⬇ 601.730 [sem os levitas]

[623.730 com os levitas]

TOTAL ESTIMADO DO POVO (crianças, mulheres, idosos e estrangeiros) 2.000.000 a 3.000.000

Genealogia da Tribo de Levi

A LEI DAS HERANÇAS
Números 27:1-17 → As filhas de Zelofeade, Macla, Noa, Hogla e Tirza, levaram a causa da divisão da herança para o pai de família que não tivesse filho homem. Deus dá sua ordem sobre a herança:
– O homem que morresse e não tivesse filho homem, deixaria herança para as filhas
– Se ele não tivesse filhas, a herança ficava para seus irmãos
– Se não tivesse irmãos, a herança ficava para seus tios
– Se não tivesse tios, a herança ficava para o parente mais chegado.

JOSUÉ É ESCOLHIDO PARA SUBSTITUIR MOISÉS
Números 27:12-23 → Deus revela a Moisés que mostraria a terra Prometida e que o levaria, Moisés intercede por um líder substituto, Josué é escolhido por Deus.

HOLOCAUSTO DIÁRIO E CONTÍNUO
Números 28:1-8 → Eram sacrificados diariamente, pela manhã e outro à tarde:
2 cordeiros de 1 ano, sem mancha
2kg da flor de farinha
1l de azeite puro de olivas prensadas
1l de vinho

HOLOCAUSTO NO SÁBADO
Números 28:9-10 → Era sacrificado o Holocausto Diário mais um sacrifício adicional do sábado:
2 cordeiros de 1 ano sem defeito
4kg da flor de farinha umedecida com azeite (Oferta de Cereal)

HOLOCAUSTO MENSAL
Números 28:11-15 → No 1º dia de cada mês era sacrificado o Holocausto Diário mais um sacrifício adicional do Holocausto Mensal:
2 novilhos sem defeito + 12kg da flor de farinha + 4l de vinho
1 carneiro sem defeito + 4kg da flor de farinha + 1,33 litros de vinho
7 cordeiros de 1 ano sem defeito + 14kg da flor de farinha + 7l de vinho
+ 1 bode sem defeito para expiação do pecado

HOLOCAUSTO NA PÁSCOA
Números 28:16-25 → Do dia 14 ao 21 do 1º mês era sacrificado o Holocausto Diário mais um sacrifício adicional do Holocausto da Páscoa:
2 novilhos sem defeito + 12kg de flor de farinha umedecida com azeite
1 carneiro sem defeito + 4kg de flor de farinha umedecida com azeite
7 cordeiros sem defeito + 14kg de flor de farinha umedecida com azeite
(Pela manhã)

HOLOCAUSTO DA FESTA DA COLHEITA
Números 28:26-31 → No dia marcado como o dia oficial da Festa da Colheita era sacrificado o Holocausto Diário mais um sacrifício adicional da Festa da Colheita:
2 novilhos sem defeito + 12kg da flor de farinha umedecida com azeite
1 carneiro sem defeito + 4kg da flor de farinha umedecida com azeite
7 cordeiros de 1 ano sem defeito + 14kg da flor de farinha umedecida com azeite
1 bode sem defeito para expiação de pecado
+ Ofertas Derramadas e Ofertas de Cereal

HOLOCAUSTO NA FESTA DE TROMBETAS
Números 29:1-6 → No 1º dia do 7º mês era convocado um dia oficial de reunião sagrada e sacrificado o Holocausto Diário mais um sacrifício adicional:
1 novilho sem defeito + 6kg da flor de farinha umedecida com azeite
1 carneiro sem defeito + 4kg da flor de farinha umedecida com azeite
7 cordeiros de 1 ano sem defeito + 14kg da flor de farinha umedecida com azeite
1 bode para expiação de pecado

HOLOCAUSTO DO DIA DA EXPIAÇÃO (Dia do Perdão de Pecados)
Números 29:7- → No 10º dia do 7º mês era sacrificado o Holocausto Diário mais o sacrifício adicional do Dia da Expiação de Pecados:
1 novilho sem defeito + 6kg da flor de farinha umedecida com azeite
1 carneiro sem defeito + 4kg da flor de farinha umedecida com azeite
7 cordeiros de 1 ano sem defeito + 14kg da flor de farinha umedecida com azeite
1 bode para expiação de pecado + Oferta de Cereal + Oferta de Libação (vinho)

HOLOCAUSTO PARA A FESTA DAS CABANAS
Números 29:12-40 → Do dia 15 ao 21 do 7º mês, era sacrificado o Holocausto Diário mais os sacrifícios adicionais da Festa das Cabanas:

1º DIA 13 novilhos sem defeito + 78 kg da flor de farinha

2 carneiros sem defeito + 8kg da flor de farinha

14 cordeiros de 1 ano sem defeito + 28 kg da flor de farinha

1 bode para expiação de pecado + Oferta de Cereal e Oferta Derramada

2º DIA 12 novilhos sem defeito + 72 kg da flor de farinha

2 carneiros sem defeito + 8kg da flor de farinha

14 cordeiros de 1 ano sem defeito + 28 kg da flor de farinha

1 bode para expiação de pecado + Oferta de Cereal e Oferta Derramada

3º DIA 11 novilhos sem defeito + 66 kg da flor de farinha

2 carneiros sem defeito + 8kg da flor de farinha

14 cordeiros de 1 ano sem defeito + 28 kg da flor de farinha

1 bode para expiação de pecado + Oferta de Cereal e Oferta Derramada

4º DIA 10 novilhos sem defeito + 60 kg da flor de farinha

2 carneiros sem defeito + 8kg da flor de farinha

14 cordeiros de 1 ano sem defeito + 28 kg da flor de farinha

1 bode para expiação de pecado + Oferta de Cereal e Oferta Derramada

5º DIA 9 novilhos sem defeito + 54 kg da flor de farinha

2 carneiros sem defeito + 8kg da flor de farinha

14 cordeiros de 1 ano sem defeito + 28 kg da flor de farinha

1 bode para expiação de pecado + Oferta de Cereal e Oferta Derramada

6º DIA 8 novilhos sem defeito + 48 kg da flor de farinha

2 carneiros sem defeito + 8kg da flor de farinha

14 cordeiros de 1 ano sem defeito + 28 kg da flor de farinha

1 bode para expiação de pecado + Oferta de Cereal e Oferta Derramada

7º DIA 7 novilhos sem defeito + 42 kg da flor de farinha

2 carneiros sem defeito + 8kg da flor de farinha

14 cordeiros de 1 ano sem defeito + 28 kg da flor de farinha

1 bode para expiação de pecado + Oferta de Cereal e Oferta Derramada

A LEI DOS VOTOS
Números 30 → O voto significava uma promessa ou abstinência (de alimentos, por exemplo ver v. 13). Quando um homem fazia um voto tinha de cumprir. Quando uma mulher fizesse um voto, se o pai ou marido discordassem o voto era anulado.

VITÓRIA NA GUERRA
Números 31 → Antes da morte de Moisés, Deus ordena vingança contra os midianitas (Nm 25:17-18), por causa do Negócio de Peor. Morreram 5 reis midianitas, todos os homens e mulheres, exceto mulheres virgens. 12 mil israelitas foram à guerra, mil de cada tribo, quando os 12 mil retornaram se purificaram conforme a ordem de Deus (Nm 19).
Despojos: foram purificados e divididos entre os israelitas e uma parte foi oferecido a Deus.

DESPOJOS

OVELHAS BOIS JUMENTOS ALMAS
TOTAL 675.000 72.000 61.000 32.000
METADE DOS GUERREIROS 337.500 36.000 30.500 16.000
METADE DO POVO 337.500 36.000 30.500 16.000
1/5 DE DEUS 675 72 61 32
OFERTA ALÇADA PELA CONTAGEM DO EXÉRCITO 200 Kg de ouro em vasos, braceletes, anéis, brincos e colares

O PEDIDO DE RÚBEN E GADE
Números 36 → Rúben, Gade e parte da tribo de Manassés pediram a Moisés as terras daquém do Jordão (Reinos de Seom e Ogue, e Gileade), pois eram boas para a criação de gados. Eles prometeram (v.17) ajudar seus irmãos a conquistarem a Terra de Canaã, que ficava além do Rio Jordão, e só voltar para suas casas depois de haverem se estabelecido.

JORNADAS NO DESERTO
Números 33 → Moisés lista os locais onde o povo de Israel acampou, segundo a ordem de Deus.
Pouco mais de 40 lugares em 40 anos:
Ramessés → Sucote → Etã → Pi-Hairote → meio do mar ao deserto → Mara → Elim → junto ao Mar Vermelho → deserto de Sim → Dofca → Alus → Refidim → deserto de Sinai → Quibrote-Taavá→ Hazerote → Ritmá → Rimom-Perez → Libna → Rissa → Queelata → Séfer → Harada → Maquelote → Taate → Tara → Mitca → Hasmona → Moserote → Bene-Jaacã → Hor-Hagidgade → Jotbatá → Abrona → Ezion-Geber → deserto de Zim, que é Cades → monte Hor → Zalmona → Punom → Obote → Ije-Abarim, no termo de Moabe → Dibom-Gade → Almom-Diblataim → montes de Abarim, defronte de Nebo → campinas de Moabe, junto ao Jordão, na direção de Jericó.

DEUS ORDENA A EXPULSÃO DOS CANANEUS E DEMARCA O TERRITÓRIO DE ISRAEL:

 

DEUS NOMEIA LÍDERES
Números 34 → Eleazar e Josué, líderes da repartição das terras + 1 líder de cada tribo:

TRIBOS PRÍNCIPES
JUDÁ Calebe
SIMEÃO Simeão
BENJAMIM Elidade
Buqui
JOSÉ MANASSÉS Haniel
EFRAIM* Quemuel
ZEBULOM Elizafã
ISSACAR Paltiel
ASER Aiúde
NAFTALI Pedael

RÚBEN E GADE já haviam conquistado a terra daquém do Jordão

*Josué era da tribo de Efraim, sua função era de liderar todas as tribos. Portanto, Quemuel, príncipe da tribo de Efraim liderava a distribuição das terras somente em sua tribo, enquanto Josué era o líder, junto a Eleazar, de liderar a distribuição das terras de todas as tribos.

AS CIDADES DOS LEVITAS
Números 35:1-8 → Das heranças de Israel algumas cidades e pastagens deviam ser separadas para a Tribo de Levi:

  • 48 cidades com 450m dentro dos muros e 900m de pastagem ao redor dos muros, se estendendo ao norte, sul, leste e oeste

  • 6 dessas cidades eram cidades de refúgio

CIDADES DE REFÚGIO
Números 35:9-34→ 6 cidades, 3 cidades daquém do Jordão e 3 dalém do Jordão, eram separadas para proteger a integridade física de um homicida culposo, fosse ele israelita ou estrangeiro. Enquanto o homem julgado por homicídio culposo permanecesse na cidade estaria protegido de ser morto; saindo da cidade ficava à mercê do seu vingador. Um homicida doloso era condenado, por 2 ou mais testemunhas, à morte.

O CASAMENTO DAS HERDEIRAS
Números 36 → Os manassitas entram com a questão das filhas de Zelofeade se tornarem as herdeiras da terra que seria do pai (confira Nm 27:1-11), porque se elas se casassem com homens que não fossem manassitas, as terras passariam para outra tribo, diminuindo o território demarcado por Deus. A resposta e ordem de Deus foi que nenhuma terra passaria de uma tribo para outra, portanto uma herdeira só poderia casar com seus primos, para as terras ficarem em sua tribo, segundo a casa de seu pai. Completou-se então, a Lei das Heranças.

REFERÊNCIAS CONSULTADAS

 

BÍBLIA DE ESTUDO APLICAÇÃO PESSOAL. Versão Almeida Revista e Corrigida. Ed. 1995. São Paulo: CPAD, 2010.

A Bíblia em Ordem Cronológica: Nova Versão Internacional/edição autorizada da obra de Edward Reese (org.); tradutor Judson Canto (títulos e textos explicativos). São Paulo: Editora Vida, 2003.

 

Bíblia Sagrada: Anote: Revista e Corrigida na Grafia Simplificada. 1ª ed. Editora Central Gospel: Santo André, São Paulo, 2009.

 

Bíblia Sagrada: Nova Versão Internacional. São Paulo: Editora Vida, 2000.

 

BÍBLIA SAGRADA: Nova Versão Transformadora. 1. ed. São Paulo: Mundo Cristão, 2016.

 

CHAMPLIN, Russell Norman. Dicionário A-Z. São Paulo: Hagnos, 2001. Vol. 6 e 7.

 

CHAMPLIN, Russell Norman. O Antigo Testamento Interpretado: VERSÍCULO POR VERSÍCULO: Números. São Paulo: Hagnos, 2001. Vol. 1.

2 comentários

  1. Iracema Borges · setembro 21, 2017

    Parabéns pela riqueza do estudo

    Curtido por 1 pessoa

Obrigada por seu comentário! Ele será lido e aprovado em breve.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s