Estudo da Bíblia: Josué 1 -24

ÉTIMO DO TÍTULO DO LIVRO: “Josué”, o autor e principal personagem, cujo nome deriva-se do hebraico, יהושוע – Yehoshua, uma forma abreviada do nome divino em hebraico “SENHOR” – YHWH – combinado à palavra hebraica que significa “salvação”, formando o nome “Yahweh salva” ou “o SENHOR é salvação”. Moisés mudou o nome dele, de Oséias, (הוֹשֵׁעַ – Hošeaʿ, “salvação”), para Yehoshua, ou Josué em português.

AUTOR: Josué e uma testemunha dos eventos (talvez o sacerdote Finéias)

DATA: ~ 1400 e 1200 A.C.

CAPÍTULOS TOTAIS: 24

CONTEÚDO: Narrativa da conquista de Canaã

PALAVRAS DE ÂNIMO A JOSUÉ
Josué 1 → Levanta-te (v. 2), Esforça-te e tem bom ânimo(v. 6,7,9,18), Não se aparte da Lei (v. 8), Não temas, nem te espantes (v. 9), o SENHOR é contigo, o SENHOR não de deixará, nem desamparará (v. 5).

RÚBEN, GADE E A MEIA TRIBO DE MANASSÉS
Josué 1:10-18 → As 3 tribos que já haviam conquistado suas terras mantêm a promessa a Josué de ajudar Israel a conquistar Canaã (Números 36).

CRONOLOGIA DOS FATOS DOS 2 ESPIAS EM JERICÓ:

Josué 2:1 → 2 espias são escolhidos e enviados à Jericó

Josué 2:1,15 → Os 2 espias se hospedam na casa da prostituta Raabe, que ficava sobre o muro

Josué 2:2,4,6 → Raabe esconde os 2 espias no telhado, entre as canas de linho

Josué 2:2 → O rei recebe notícias dos espias e envia seus guardas à casa de Raabe

Josué 2:4 → Raabe despista os guardas

Josué 2:7 → Antes que o portão de Jericó se fechassem, os guardas reais saem em busca dos espias, ao sair o portão se fecha

Josué 2:8-13 → Raabe vai conversar com os espias, narra os feitos do SENHOR e pede proteção a ela, seus pais e irmãos, com um sinal.

Josué 2:14,17-20 → Os espias fazem um acordo, de que se não fossem denunciados, Raabe e todos que estivessem dentro da casa dela seriam salvos, do contrário eles ficariam desobrigados do acordo.

Josué 2:21a → Raabe concorda.

Josué 2:18 → Os espias combinam que o cordão vermelho na janela seria o sinal pedido por Raabe.

Josué 2:1 → Os 2 espias dormem na casa de Raabe.

Josué 2:16,21,15 → Raabe orienta aos espias a se esconderem no monte por 3 dias e depois seguirem caminho. Ela pega o cordão vermelho e ata na janela para fazê-los descer.

Josué 2:22 → Os guardas reais de Jericó voltam sem achar os espias.

Josué 2:22 → Os espias fazem como Raabe orientou: ficam 3 dias escondidos no monte, chegam ao acampamento israelita são e salvos, e dão o relatório a Josué.

Josué 6:22-25 → A família de Raabe se hospeda na casa de Raabe e ficam lá até Jericó ser conquistada. Enquanto Israel rodeava Jericó, eles viam o cordão vermelho pendurado. A parte do muro onde ficava a casa de Raabe foi a única parte do muro que ficou de pé. Os 2 espias retiram a Raabe, sua família e seus bens. Eles ficaram fora do arraial até purificar-se. Raabe se casou com Salmon, príncipe em Judá (Mt 1:5).

A TRAVESSIA PELO MEIO DO RIO JORDÃO
Josué 3 e 4 → Deus avisa a Josué como seguiriam viagem pelo meio do Rio Jordão, de Sitim partem e param em frente ao Rio Jordão cheio. Josué pede para o povo se santificar. No dia seguinte os sacerdotes saem na frente com a Arca da Aliança, quando tocam os pés na água, a água forma um paredão de um lado e escorre para o mar do outro, os sacerdotes param no meio do rio esperando todo o povo passar a 1 km de distância. Josué ordena aos 12 príncipes das tribos para retirarem 12 pedras do meio do leito seco do rio para servir de testemunho. Esse grande milagre teve como objetivo mostrar ao povo que Deus era com Josué.

GIBEATE-ARALOTE E GILGAL
Josué 5:1-9 → “Gibeate-Aralote” significa “Monte dos Prepúcios”, lugar onde os israelitas que nasceram no deserto se circuncidaram. Esse local era próximo a “Gilgal”, nome dado pelos israelitas, que significa “revolver”, porque o SENHOR disse a Josué que havia tirado a vergonha da escravidão do povo no Egito. Gilgal também traz o significado de “Círculo de Pedras”, provável local onde ficaram as pedras de testemunhos retiradas do meio do rio Jordão.

A CELEBRAÇÃO DA PÁSCOA E O MANÁ:

Josué 5:10-12 → Dia 14 de abibe, ano 1422 a.C., o povo celebrou a páscoa.

Josué 5:11 → No dia 15 de abibe, o povo comeu do fruto da terra, pães asmos e espigas tostadas.

Josué 5:12 → No dia 16, o maná cessou.

O PRÍNCIPE DO EXÉRCITO DO SENHOR E JOSUÉ
Josué 5:13-15 → O Príncipe do Exército do SENHOR, aceitou a adoração de Josué, o que significa que Aquele era o Filho de Deus. Essa aparição do Príncipe do Exército do SENHOR nas proximidades de Jericó, Sua identificação e ordem de descalçar as sandálias, significou para Josué, o mesmo que havia significado para Moisés no Monte Horebe, as Palavras de Deus na sarça ardente e os pés descalçados. A posição de liderança deles era totalmente submissa a Deus.

A CONQUISTA EM JERICÓ
Josué 6 → O Senhor dá ordens específicas a Josué:

  1. Por 6 dias os homens de guerra rodeiam Jericó 1 vez

  2. No 7º dia, 7 sacerdotes, com 7 buzinas de carneiros, seguido pelos sacerdotes segurando a Arca da Aliança, e após os homens de guerra, rodeiam os muros 7 vezes.

  3. Na 7ª vez, as buzinas tocam, o povo grita, os muros caem e os guerreiros avançam para destruírem Jericó.

  4. De Jericó salvar somente a Raabe, sua família, seus bens e o ouro, prata, vasos de metal e ferro, que seriam consagrados ao SENHOR.

A CONQUISTA EM AI
Josué 7 e 8:1-29 → Ai, era uma cidade pequena e desprotegida. Josué envia alguns espias e segundo o relato 3mil guerreiros bastavam para conquistá-la. 36 soldados foram feridos, e a tropa voltou envergonhada. Deus revela a Josué que o motivo da derrota foi o pecado escondido. Lançaram sortes e descobriram que Acã havia ficado com 1 capa babilônica, 2,5kg de prata, 1 barra de ouro com pouco mais de 500g de Jericó. Acã, com sua família, capa, prata e ouro, morreram apedrejados e queimados no Vale de Acor (Vale do Conturbado).
O SENHOR ordena como conquistariam:

  1. Armar emboscada atrás da cidade com parte do exército.

  2. O exército principal ataca Ai e depois se deixa ser perseguido, levando o exército inimigo para longe da cidade.

  3. O exército que estava atrás da cidade, invade a cidade desprotegida e a incendeia.

  4. Dessa vez era permitido ficar com os despojos: tesouros e animais.

12 mil habitantes de Ai morreram, e seu rei foi enforcado.

RENOVAÇÃO DA ALIANÇA
Josué 8:30-35 → A cerimônia da bênção e maldição sobre os Montes Ebal e Gerizim foi realizada conforme a ordem do SENHOR (Dt 11:26-32; 27:11-26, 28). A Lei foi escrita e lida para todo o povo.

OS GIBEONITAS ENGANAM JOSUÉ E OS PRÍNCIPES
Josué 9 e 10:2 → Gibeão era uma cidade real, grande, com mais outras 3 cidades sob seu domínio, Cefira, Beerote e Quiriate-Jearim, e todos os seus homens eram valentes. Ao ouvir os grandes feitos do SENHOR, temeram ser destruídos e usaram de engano. Eles foram a Gilgal, onde estava o acampamento de Israel, e disseram ser de uma cidade longe dali e conseguiram fazer aliança de paz com Josué e os príncipes de Israel, porque estes não consultaram ao SENHOR. O povo não ficou satisfeito quando descobriu que eles seriam a próxima cidade a ser conquistada. Josué e os príncipes, então, mantiveram a vida deles, mas fizeram dos gibeonitas rachadores de lenha e tiradores de água para o povo e para o altar.

A GUERRA CONTRA 5 REIS
Josué 10:1-27 → Esses 5 reis se juntaram e atacaram Gibeão por fazer aliança com Israel:

  1. Adoni-Zedeque, rei de Jerusalém

  2. Hoão, rei de Hebrom

  3. Pirão, rei de Jarmute

  4. Jafia, rei de Laquis

  5. Debir, rei de Eglom

Os gibeonitas pedem ajuda a Israel, Josué com o exército de Israel saem ao socorro e pegam os 5 reis com seus exércitos desprevenidos. Eles ficam conturbados e o SENHOR pelejou por Israel.
2 milagres aconteceram:

  1. Quando os exércitos inimigos fugiram uma saraiva de grandes pedras, enviadas pelo SENHOR, mataram mais homens do que à espada.

  2. O sol e a lua não seguiram seu curso natural por aproximadamente 12h a mais, porque SENHOR atendeu ao pedido de Josué. Esse foi o dia mais longo da história da humanidade.

Os 5 reis se esconderam numa cova em Maquedá, Josué enforcou os 5 reis e deixou eles pendurados no madeiro até a tarde, conforme Deuteronômio 21:22-23.

MAIS 7 CIDADES SÃO CONQUISTADAS
Josué 10:28-43 → Josué e o exército de Israel avançaram conquistando as cidades de Cades-Barnéia a Gaza, de Gósen a Gibeão:

  1. Maquedá

  2. Libna

  3. Laquis

  4. Gezer

  5. Eglom

  6. Hebrom

  7. Debir

A GUERRA CONTRA JABIM, REI DE HAZOR, E SEUS CONFEDERADOS
Josué 11 → Jabim, rei de Hazor, convocou: Jobabe, rei em Madom, o rei de Sinrom, o rei de Acsafe, os reis do norte em Arabá, Sefelá, Nafote-Dor, cananeus do leste a oeste, amorreus, hititas, ferezeus, jebuseus das montanhas, heveus do Hermom; para unirem seus exércitos contra Israel. Deus falou a Josué que os derrotaria. Josué matou a Jabim à espada e queimou ele e a cidade de Hazor. Todos esses povos foram destruídos à espada, os israelitas ficaram com os despojos, somente não destruíram as cidades que ficavam nas colinas. Tudo conforme a ordem de Deus (Dt 20:10-20).

EXTENSÃO TERRITORIAL E REIS CONQUISTADOS
Josué 12:1-6 → reis destruídos por Moisés são listados:

  1. Seom, rei dos amorreus, em Hermom e suas cidades

  2. Ogue, rei em Basã e suas cidades

Josué 12:7-8 → A extensão territorial conquistada abrangia o atual Estado de Israel, a Faixa de Gaza, parte do Egito, a Síria, a Jordânia e a Cisjordânia, no Oriente Médio.

Josué 12:7-24 → 31 reis destruídos por Josué são listados pelos seus reinos:

  1. Jericó

  2. Ai

  3. Jerusalém

  4. Hebrom

  5. Jarmute

  6. Laquis

  7. Eglom

  8. Gezer

  9. Debir

  10. Geder

  11. Horma

  12. Arade

  13. Libna

  14. Adulão

  15. Maquedá

  16. Betel

  17. Tapua

  18. Hefer

  19. Afeca

  20. Lasarom

  21. Madom

  22. Azor

  23. Sinrom-Merom

  24. Acsafe

  25. Taanaque

  26. Megido

  27. Quedes

  28. Jocneão

  29. Dor, em Nafate-Dor

  30. Nações de Gilgal

  31. Tirza

A REPARTIÇÃO DA TERRA CONQUISTADAS
Josué 13-19 → Realizada por sortes, pelo sacerdote Eleazar, Josué e os líderes de cada tribo.

ORDEM DE RECEBIMENTO DA HERANÇA

TRIBOS

CIDADES CONQUISTADAS

GENTIOS NÃO EXPULSOS

1

1 (Moisés)

Rúben

Seom, Moabe

2

2 (Moisés)

Gade

Ogue, Gileade

3

3 (Moisés)

Metade da tribo de Manassés

Gileade, Basã

Gesureus e maacatitas

4

1 (Josué)

Judá

93 cidades

Jebuseus em Jerusalém

5

2 (Josué)

José: Efraim e a outra metade da tribo de Manassés

Terras altas centrais da Palestina, 10 quinhões para Manassés

Cananeus de Gezer, ficaram como tributários

6

1 (velhice de Josué)

Benjamim

26 cidades e suas aldeias

7

2 (velhice de Josué)

Simeão

17 cidades e suas aldeias

8

3 (velhice de Josué)

Zebulom

12 cidades e suas aldeias

9

4 (velhice de Josué)

Issacar

16 cidades e suas aldeias

10

5 (velhice de Josué)

Aser

22 cidades e suas aldeias

11

6 (velhice de Josué)

Naftali

19 cidades e suas aldeias

12

7 (velhice de Josué)

18 cidades e suas aldeias

ACSA
Josué 15:16-19 → Acsa, antes de se mudar para a terra que seu pai, Calebe, havia dado a Otniel e a ela, foi inspecioná-la, e verificou a falta de água. Então, pediu ao pai uma terra com fontes de águas, o qual foi concedido por Calebe, fontes de águas nos montes e vales.

A PEDRA DE BOÃ
Josué 15:6 e 18:17 → Provável marco de sepultura em memória à vida de Boã, filho de Rúben. Essa pedra fazia divisa entre os territórios de Judá e Benjamim.

AS FILHAS DE ZELOFEADE
Josué 17:3-6 → As filhas de Zelofeade (Números 27:1-17 e 36) voltam agora a Josué para requerer sua herança. Elas receberam suas heranças em sua tribo, Manassés. Foram as primeiras herdeiras do sexo feminino em Israel.

LOCAL DO TABERNÁCULO
Josué 18:1 → O povo partiu de Gilgal e se concentrou em Siló, enquanto esperava a terra ser conquistada e distribuída. O Tabernáculo foi armado definitivamente em Siló, território da tribo de Efraim. Foi em Siló que foi lançado sorte para a distribuição das terras.

3 HOMENS DE CADA TRIBO SÃO ESCOLHIDOS PARA MEDIR A TERRA
Josué 18:4,9 → 36 israelitas mediram a terra e registraram tudo num livro em 7 partes.

AS TERRAS ESCOLHIDAS POR JOSUÉ E CALEBE
Josué 14:6-15; 15:12-19; 19:49-50 → Calebe escolheu a cidade que há 40 anos tinha espiado, Hebrom. Seu sobrinho, Otniel, conquistou Debir e se casou com sua filha Acsa. Josué pediu a cidade de Timnate-Sera, a qual reedificou e habitou.

AS CIDADES DO REFÚGIO E DOS LEVITAS
Josué 20-21 → Conforme a ordem de Deus são separadas cidades e o campo ao redor, em cada tribo para os levitas, como também as cidades de refúgio ao homicida culposo, que ficava na responsabilidade dos levitas.

LEVITAS

CIDADES DOS LEVITAS NAS TRIBOS

CIDADE DE REFÚGIO

Coatitas da família de Arão

(sacerdotes)

9 em Judá* & Simeão

4 em Benjamim

TOTAL: 13 cidades

*Quiriate-Arba, em Hebrom na tribo de Judá

Coatitas

4 em Efraim*

4 em Dã

2 em Manassés ao oeste

TOTAL: 10 cidades

*Siquém, na tribo de Efraim

Gersonitas

2 em Manassés ao leste*

4 em Issacar

4 em Aser

3 em Naftali*

TOTAL: 13 cidades

*Golã, em Basã, na tribo de Manassés

*Quedes, na Galileia, na tribo de Naftali

Meraritas

4 em Zebulom

4 em Rúben

4 em Gade*

TOTAL: 12 cidades

*Ramote, em Gileade, na tribo de Gade

DESTAQUE PARA JOSUÉ 21:45:

“Palavra alguma falhou de todas as boas coisas que o Senhor falou à casa de Israel;
tudo se cumpriu.” Josué 21:45

EDE, O ALTAR DE TESTEMUNHO
Josué 22 → Josué abençoou e despediu as 3 tribos, Rúben, Gade e metade de Manassés, que tinham suas possessões ao leste. Essas 3 tribos erigiram um altar por nome “Ede”, “testemunho”, sem comunicar às outras tribos. Isso gerou problemas, pois a ordem do SENHOR era de que o único altar erigido era no Santuário (que ficou em Siló) e as demais tribos não sabendo do motivo queriam guerrear contra eles, receando o juízo de Deus. O sacerdote Eleazar, os príncipes e líderes de cada tribo foram antes à Rúben, Gade e Manassés, inquirir sobre o altar. Ao saberem da resposta os ânimos se acalmaram e então, o altar ficou, não para sacrifícios e holocausto, mas como testemunho de que as 3 tribos ao leste, pertenciam ao povo e herança do SENHOR.
CHAMPLIN (2000), nos oferece algumas considerações sobre o assunto.
Princípios Ensinados pelo Incidente:

1. É bom sermos zelosos quanto à verdadeira espiritualidade.

2. É bom buscarmos a unidade com base na retidão.

3. Discussões abertas e francas podem esclarecer muitos pseudoproblemas.

4. Devemos aproximar-nos dos ofensores com espírito de gentileza, e não com arrogância (Gl. 6.1).

5. Uma resposta suave (gentil) desvia a ira (Pv 15.1), e assim podem ser evitados tanto a ira quanto os pensamentos descaridosos.

6. As bênçãos de Deus são derramadas sobre aqueles que andam em concórdia, exercendo sua fé religiosa em meio à verdade e à sinceridade.

7. A presença de Deus faz-se necessária para que haja alguma espiritualidade legítima. O altar do Senhor deve estar em nosso coração.

CONSIDERAÇÕES FINAIS:

Josué 23 → Josué exorta o povo a seguir e obedecer a Deus, provavelmente essa reunião aconteceu em Siló.

Josué 24:26-28 → Josué erigiu uma grande pedra como testemunho debaixo do carvalho, junto ao Santuário, em Siló. As palavras dele e do povo ficaram registradas na lei de Deus.

Josué 24:1-25 → Josué faz aliança com o povo de servirem unicamente a Deus. O local dessa reunião foi em Siquém, local onde os ossos de José foram enterrados (Gn 50:24-25; Êx 13:19).

Josué 24:26-28 → Josué erigiu uma grande pedra como testemunho debaixo do carvalho, junto ao Santuário, em Siló.

JOSUÉ MORRE
Josué 24:29-31 → Josué viveu 110 anos, foi enterrado na terra que recebeu em herança, Timnate-Sera, no Monte de Efraim (sua tribo). A morte do sacerdote Eleazar também é registrada.

REFERÊNCIAS CONSULTADAS

BÍBLIA DE ESTUDO APLICAÇÃO PESSOAL. Versão Almeida Revista e Corrigida. Ed. 1995. São Paulo: CPAD, 2010.

BÍBLIA SAGRADA: Anote: Revista e Corrigida na Grafia Simplificada. 1ª ed. Editora Central Gospel: Santo André, São Paulo, 2009.

BÍBLIA SAGRADA: Nova Versão Transformadora. 1. ed. São Paulo: Mundo Cristão, 2016.

CHAMPLIN, Russell Norman. Dicionário A-Z. São Paulo: Hagnos, 2001. Vol. 6 e 7.

CHAMPLIN, Russell Norman. O Antigo Testamento Interpretado: VERSÍCULO POR VERSÍCULO: Josué. São Paulo: Hagnos, 2001. Vol. 2.

DAVIS, John D.. Dicionário da Bíblia. Rio de Janeiro: Casa Publicadora Batista, 1965.

2 comentários

  1. Rute · outubro 20, 2017

    Parabéns pelo minucioso estudo!

    Curtido por 1 pessoa

Obrigada por seu comentário! Ele será lido e aprovado em breve.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s