MULHERES DA BÍBLIA 2018: Agosto

Continuamos os estudos sobre as mulheres da Bíblia durante o mês de agosto.

Para saber como funciona o estudo CLICA AQUI, para acompanhar o plano bíblico em ordem cronológica CLICA AQUI, para acessar a lista de livros das mulheres da Bíblia, clica nesse outro link: MULHERES DA BÍBLIA 2018

Se você ainda não viu a postagem do mês de janeiro a julho, que somam 110 fichas sobre as mulheres da Bíblia, clica nesses links:
MULHERES DA BÍBLIA 2018: Janeiro 1-17
MULHERES DA BÍBLIA 2018: Fevereiro 18-32
MULHERES DA BÍBLIA 2018: Março 33-45
MULHERES DA BÍBLIA 2018: Abril 46-58
MULHERES DA BÍBLIA 2018: Maio 59-75
MULHERES DA BÍBLIA 2018: Junho 76-91
MULHERES DA BÍBLIA 2018: Julho 92-110

Acompanhe também no Telegram meditações de segunda a sexta sobre as mulheres da Bíblia: @lisland

Abaixo vamos continuar a lista com a numeração e dados das mulheres da Bíblia.

LISTA:

111. A mãe de Lemuel

112. A Sulamita

113. Abisague

114. As esposas e concubinas de Salomão

115. As 2 mães prostitutas

116. Duas filhas de Salomão: Tafate e Basemate

117. A mãe de Hurão

118. A rainha de Sabá

119. Esposa de Hadade

120. Maaca

121. Jezabel

FICHAS DE DADOS:

111. MULHER DA BÍBLIA: A mãe de Lemuel

REFERÊNCIA BÍBLICA: A mãe de Lemuel

SIGNIFICADO DO NOME: Seu nome não foi mencionado

LOCAL: Massá

ÉPOCA: 982 a.C.

RELACIONAMENTO COM DEUS:

  • Ela é considerada uma profetisa de Deus por estudiosos, visto que o capítulo 31 é um oráculo ensinado por ela ao filho, o rei Lemuel.

RELACIONAMENTOS COM O PRÓXIMO:

  • FILHO: Lemuel

RESUMO DA HISTÓRIA:

Mulher sábia que ensinou e aconselhou seu filho, de forma inspirada por Deus, em como liderar e escolher uma esposa observando suas qualidades e virtudes.

PROPÓSITO:

  • Deixar registrado conselhos sábio para homens e mulheres piedosos.

DEVO IMITAR:

  • Devo imitar a boa mãe que ela foi, buscando a sabedoria divina e ensinando-a aos meus filhos.

DESTAQUE:

“Era uma vez, um jovem príncipe que queria ser rei, mas ele ainda tinha muitas lições a aprender. Sua mãe costumava sentar-se com ele ao lado da lareira para ensinar-lhe não só a ser um rei bondoso, mas também a encontrar uma excelente esposa. A maioria dos estudiosos concorda que Provérbios 31 retrata os conselhos daquela mãe sábia a seu filho. O versículo 1 diz: “Palavras do rei Lemuel […] as quais lhe ensinou sua mãe.” Nos versículos 1-9, ela fala dos elementos básicos de liderança e descreve, nos versículos 10-31, a esposa que ele deve procurar, aquela que é um raro tesouro. Talvez, em razão da idade do filho, a sábia mãe tenha organizado uma lista das qualidades que ele deveria encontrar em uma esposa de acordo com as letras do alfabeto hebraico. Ensinado dessa maneira, o alfabeto do caráter poderia ser aprendido com rapidez, memorizado com facilidade, repetido com regularidade e gravado permanentemente nas tábuas do coração de seu filho (Provérbios 3:3). Quando a mãe chegou à última letra do alfabeto e terminou de exaltar as qualidades de uma mulher virtuosa, esse poema lírico de louvor passou a ser para aquele jovem príncipe – e para nós – o alfabeto de Deus do caráter feminino.”

Elizabeth Geoge, em “Bela aos olhos de Deus”

REFERÊNCIAS CONSULTADAS:

A BÍBLIA EM ORDEM CRONOLÓGICA: Nova Versão Internacional/edição autorizada da obra de Edward Reese (org.); tradutor Judson Canto (títulos e textos explicativos). São Paulo: Editora Vida, 2003.

BÍBLIA DE ESTUDO DA MULHER DE FÉ: Nova Versão Internacional. Editora Geral: Jean E. Syswerda. Tradução: Cecília Eller. São Paulo: Editora Vida, 2014.

GEORGE, Elizabeth. BELA AOS OLHOS DE DEUS. Tradução: Maria Emília de Oliveira. São Paulo: Hagnos, 2004.

112. MULHER DA BÍBLIA: A Sulamita

REFERÊNCIA BÍBLICA: Cantares

SIGNIFICADO DO NOME: Seu nome não é mencionado, “sulamita” é a pessoa natural de Sulém (ou variante de Suném – sunamita)

LOCAL: Jerusalém

ÉPOCA: 962 a.C.

RELACIONAMENTO COM DEUS:

  • Ela era temente a Deus.

RELACIONAMENTOS COM O PRÓXIMO:

  • PESSOAS ENVOLVIDAS: Mãe, irmãos, amigas, noivo, servas, rainhas, concubinas e jovens virgens.

RESUMO DA HISTÓRIA:

Acredita-se que a Sulamita foi realmente uma das esposas de Salomão, a preferida; outros ainda apontam Abisague como a sulamita amada. A mulher que inspirou o rei era bela, inteligente, era amada e amava o seu esposo. A história vai girar justamente sobre o relacionamento conjugal: namoro, noivado e casamento.

PROPÓSITO:

  • Mostrar a beleza do relacionamento conjugal entre duas pessoas tementes a Deus.

DEVO IMITAR:

  • Devo imitar a forma amorosa com que ela tratava a todos ao redor.

DESTAQUE:

“[…] Há alguma mulher no mundo que não tenha se comparado com outras esse sentido mais feia? A jovem de Cântico dos cânticos não era uma exceção. Como uma moça da fazenda, ela tinha pele bronzeada devido ao trabalho nas vinhas de sua família. Quando olhava para a tez refinada das mulheres da cidade de Jerusalém, sentia envergonhada de sua aparência. Sua insegurança a fez se voltar para a única pessoa que ela sabia que a via como uma mulher bela. Seu noivo achava que a sua pele era encantadora. Todas nós nos sentimos menos decidir desejáveis de vez em quando. […] Durante esses momentos é útil lembrar que há Alguém que vê além de nosso cabelo embaraçado, nossa acne e peso extra. Ele nos ver como pessoas porque valeu a pena morrer simplesmente para sermos quem somos […].”

Dianne Neal Matthews, em “Um ano com as mulheres da Bíblia”, pág. 47

REFERÊNCIAS CONSULTADAS:

A BÍBLIA EM ORDEM CRONOLÓGICA: Nova Versão Internacional/edição autorizada da obra de Edward Reese (org.); tradutor Judson Canto (títulos e textos explicativos). São Paulo: Editora Vida, 2003.

BÍBLIA DE ESTUDO DA MULHER DE FÉ: Nova Versão Internacional. Editora Geral: Jean E. Syswerda. Tradução: Cecília Eller. São Paulo: Editora Vida, 2014.

MATHEWS, Dianne Neal. UM ANO COM AS MULHERES DA BÍBLIA. Tradução por: Elisa Tisserant de Castro. Curitiba: Publicações Pão Diário, 2016.

113. MULHER DA BÍBLIA: Abisague

REFERÊNCIA BÍBLICA: 1 Reis 1:2-4

SIGNIFICADO DO NOME: “Meu pai vagueia”

LOCAL: Jerusalém

ÉPOCA: 985 a.C.

RELACIONAMENTO COM DEUS:

  • Uma mulher com princípios divinos.

RELACIONAMENTOS COM O PRÓXIMO:

  • PESSOAS ENVOLVIDAS: Davi, Salomão e Adonias.

RESUMO DA HISTÓRIA:

Ela era a mais bela jovem de Israel, habitava em Suném, e, devido a sua beleza, foi escolhida para aquecer ao rei Davi em sua extrema velhice. Ela cuidou do rei até a sua morte. Mais tarde, Adonias, filho de Davi, a pediu a Salomão. Uma mulher de um rei quando era tomada por um homem, significava que esse homem desejava ter também o reino. Salomão matou Adonias e poupou Abisague.

PROPÓSITO:

  • Cuidar do rei Davi em sua velhice.

DEVO IMITAR:

  • Devo imitar sua disponibilidade e disposição de cuidar de um ancião, ainda que isso significasse não consumar o casamento.

DESTAQUE:

“Fale, Abisague! Continue falando, até que a gente crie coragem para falar mais acerca destas realidades da vida; até que a gente se disponha a se desprender de si mesma e a se dar ao outro sem nada esperar de volta…”

Joyce Elizabeth W. Every-Clayton, em “Fale, Mulher! 2”

REFERÊNCIAS CONSULTADAS:

A BÍBLIA EM ORDEM CRONOLÓGICA: Nova Versão Internacional/edição autorizada da obra de Edward Reese (org.); tradutor Judson Canto (títulos e textos explicativos). São Paulo: Editora Vida, 2003.

BÍBLIA DE ESTUDO DA MULHER DE FÉ: Nova Versão Internacional. Editora Geral: Jean E. Syswerda. Tradução: Cecília Eller. São Paulo: Editora Vida, 2014.

EVERY-CLAYTON, Joyce Elizabeth W. FALE, MULHER! 2. Rio de Janeiro: Rede de Mulheres de Ação Global, 2003.

114. MULHERES DA BÍBLIA: Rainhas, concubinas e virgens de Salomão

REFERÊNCIA BÍBLICA: 1 Reis 3:1; 7:8; 9:16 e 24; 19-20; 14:21

SIGNIFICADOS DOS NOMES: Das mil mulheres que Salomão teve, somente o nome da mãe de Roboão é citado: Naamá, que significa “Agradável”.

LOCAL: Jerusalém

ÉPOCA: 985 – 954 a.C.

RELACIONAMENTO COM DEUS:

  • A maioria das mulheres de Salomão eram estrangeiras e idólatras.

RELACIONAMENTOS COM O PRÓXIMO:

  • PESSOAS ENVOLVIDAS: As esposas de Salomão eram princesas egípcias, moabitas, amonitas, edomitas, sidônias e heteias…

RESUMO DA HISTÓRIA:

Num reino de paz e riquezas, Salomão teve mil mulheres e incontáveis filhos e filhas. Algumas delas, como a princesa egípcia, ganhou um palácio só para si. Muitas esposas e concubinas viviam no harém. Elas eram as mais belas do reino e viviam em regalia. Elas eram idólatras, e conseguiram inclinar o coração do rei para os seus deuses.

PROPÓSITO:

  • A quantidade exorbitante de esposas e concubinas de um homem só era um indicativo das boas condições financeiras do rei.

DEVO EVITAR:

  • Não posso influenciar meu marido para o mal. Devo tomar cuidado para apresentar minha vida a serviço de Deus, para poder ser uma boa esposa para o meu marido.

REFERÊNCIAS CONSULTADAS:

A BÍBLIA EM ORDEM CRONOLÓGICA: Nova Versão Internacional/edição autorizada da obra de Edward Reese (org.); tradutor Judson Canto (títulos e textos explicativos). São Paulo: Editora Vida, 2003.

BÍBLIA DE ESTUDO DA MULHER DE FÉ: Nova Versão Internacional. Editora Geral: Jean E. Syswerda. Tradução: Cecília Eller. São Paulo: Editora Vida, 2014.

115. MULHERES DA BÍBLIA: As 2 mães prostitutas

REFERÊNCIA BÍBLICA: 1 Reis 3:16-28

SIGNIFICADO DO NOME: Seus nomes não são citados

LOCAL: Jerusalém

ÉPOCA: 983 a.C.

RELACIONAMENTO COM DEUS:

  • Duas mulheres em pecado.

RELACIONAMENTOS COM O PRÓXIMO:

  • PESSOAS ENVOLVIDAS: o rei Salomão

RESUMO DA HISTÓRIA:

Com o objetivo de demonstrar a sabedoria divina na administração do reino de Israel, a Bíblia narra o julgamento de duas prostitutas que haviam acabado de dar à luz a um filho cada. Uma delas matou acidentalmente o filho sufocado e trocou os bebês, ficando com o vivo da colega. As duas foram a Salomão e ele resolveu o conflito com uma estratégia que tocou o coração da verdadeira mãe, e assim ficou descoberto quem estava falando a verdade e quem estava mentindo.

PROPÓSITO:

  • O caso difícil trazido à presença de Salomão revelou a sabedoria que Deus havia prometido dar.

DEVO EVITAR:

  • Não posso mentir, encobrir meus pecados e ainda prejudicar outra pessoa.

REFERÊNCIAS CONSULTADAS:

A BÍBLIA EM ORDEM CRONOLÓGICA: Nova Versão Internacional/edição autorizada da obra de Edward Reese (org.); tradutor Judson Canto (títulos e textos explicativos). São Paulo: Editora Vida, 2003.

BÍBLIA DE ESTUDO DA MULHER DE FÉ: Nova Versão Internacional. Editora Geral: Jean E. Syswerda. Tradução: Cecília Eller. São Paulo: Editora Vida, 2014.

116. MULHERES DA BÍBLIA: Tafate e Basemate, filhas de Salomão

REFERÊNCIA BÍBLICA: 1 Reis 4:11, 15

SIGNIFICADO DO NOME: Tafate significa “Gota de mirra”, Basemate “Cheiro agradável”

LOCAL: Jerusalém, Nafote-Dor, Naftali

ÉPOCA: 982 a.C.

RELACIONAMENTO COM DEUS:

  • A Bíblia não menciona.

RELACIONAMENTOS COM O PRÓXIMO:

  • PAI: Salomão

  • ESPOSOS: Tafate e Ben-Abinadabe; Basemate e Aimaás

RESUMO DA HISTÓRIA:

As filhas de Salomão se casaram com homens da confiança de Salomão, de elevadas condições econômicas e de posição de liderança em suas tribos.

PROPÓSITO:

  • Evidenciar a posição de honra de uma princesa aos olhos dos líderes de Israel.

REFERÊNCIAS CONSULTADAS:

A BÍBLIA EM ORDEM CRONOLÓGICA: Nova Versão Internacional/edição autorizada da obra de Edward Reese (org.); tradutor Judson Canto (títulos e textos explicativos). São Paulo: Editora Vida, 2003.

BÍBLIA DE ESTUDO DA MULHER DE FÉ: Nova Versão Internacional. Editora Geral: Jean E. Syswerda. Tradução: Cecília Eller. São Paulo: Editora Vida, 2014.

117. MULHER DA BÍBLIA: A mãe de Hurão

REFERÊNCIA BÍBLICA: 1 Reis 7:13-14

SIGNIFICADO DO NOME: Seu nome não é mencionado

LOCAL: Naftali, Tiro

ÉPOCA: 982 a.C.

RELACIONAMENTO COM DEUS:

  • Não é mencionado

RELACIONAMENTOS COM O PRÓXIMO:

  • PESSOAS ENVOLVIDAS: Salomão

RESUMO DA HISTÓRIA:

Uma mulher da tribo de Naftali havia se casado com um estrangeiro na cidade de Tiro. Seu esposo e filho eram peritos em fabricar móveis e utensílios em metal do Templo. Seu filho Hurão, foi convocado pelo rei de Tiro para criar utensílios de matal para o templo, em Jerusalém, onde o rei Salomão estava. Ela se ligara de alguma forma a um homem estrangeiro, mas no fim, acabou beneficiando a Israel.

REFERÊNCIAS CONSULTADAS:

A BÍBLIA EM ORDEM CRONOLÓGICA: Nova Versão Internacional/edição autorizada da obra de Edward Reese (org.); tradutor Judson Canto (títulos e textos explicativos). São Paulo: Editora Vida, 2003.

BÍBLIA DE ESTUDO DA MULHER DE FÉ: Nova Versão Internacional. Editora Geral: Jean E. Syswerda. Tradução: Cecília Eller. São Paulo: Editora Vida, 2014.

118. MULHER DA BÍBLIA: A rainha de Sabá

REFERÊNCIA BÍBLICA: 1 Reis 10:1-13

SIGNIFICADO DO NOME: Não é mencionado

LOCAL: Sabá, Jerusalém

ÉPOCA: 961 a.C.

RELACIONAMENTO COM DEUS:

  • Era serva do Senhor

RELACIONAMENTOS COM O PRÓXIMO:

  • PESSOAS ENVOLVIDAS: Salomão

RESUMO DA HISTÓRIA:

Uma rainha bem-sucedida que ouviu falar da sabedoria de Salomão e viajou para ouvi-lo pessoalmente. A sabedoria que ouviu, a organização e a riqueza que viu a deixaram sem palavras. Ela presenteou a Salomão, mas voltou com muitos mais presentes que havia levado. A rainha de Sabá louvou a Deus pela sabedoria de Salomão.

PROPÓSITO:

  • Servir de exemplo e incentivo a todas as mulheres que desejam buscar a sabedoria.

DEVO IMITAR:

  • Devo reconhecer a grandeza de Deus atuando em homens mortais.

DESTAQUE:

“A rainha de Sabá, conhecida por sua extraordinária beleza, riqueza e magnificência, aparentemente tinha tudo o que desejava, mas seu maior bem era um coração que ansiava por sabedoria.”

Mulheres que Amaram a Deus, por Elizabeth George

REFERÊNCIAS CONSULTADAS:

A BÍBLIA EM ORDEM CRONOLÓGICA: Nova Versão Internacional/edição autorizada da obra de Edward Reese (org.); tradutor Judson Canto (títulos e textos explicativos). São Paulo: Editora Vida, 2003.

BÍBLIA DE ESTUDO DA MULHER DE FÉ: Nova Versão Internacional. Editora Geral: Jean E. Syswerda. Tradução: Cecília Eller. São Paulo: Editora Vida, 2014.

GEORGE, Elizabeth. MULHERES QUE AMARAM A DEUS. Tradução: Maria Emília de Oliveira. Campinas, SP: Editora United Press, 2001.

119. MULHER DA BÍBLIA: A esposa de Hadade

REFERÊNCIA BÍBLICA: 1 Reis 11:19-20

SIGNIFICADO DO NOME: Não é mencionado

LOCAL: Egito

ÉPOCA: 954 a.C.

RELACIONAMENTO COM DEUS:

  • Não é mencionado.

RELACIONAMENTOS COM O PRÓXIMO:

  • IRMÃ: Tafnes

  • CUNHADO: Faraó

  • ESPOSO: Hadade

  • FILHO: Um rapaz, cujo nome não é mencionado

RESUMO DA HISTÓRIA:

Nos tempos de Davi, o povo edomeu foi destruído, apenas Hadade, muito jovem, fugiu para o Egito. Sob a proteção de Faraó, este lhe concedeu a irmã de Tafnes como esposa. Provavelmente, ela era a 2ª mais bela do Egito. Eles tiveram um filho que foi criado como um dos filhos de Faraó. Mais tarde, Hadade e família volta para reconquistar sua terra e se torna uma oposição a Salomão, como consequência da idolatria deste.

PROPÓSITO:

  • Enfatizar a beleza da esposa e cunhada de Faraó e sua influência.

REFERÊNCIAS CONSULTADAS:

A BÍBLIA EM ORDEM CRONOLÓGICA: Nova Versão Internacional/edição autorizada da obra de Edward Reese (org.); tradutor Judson Canto (títulos e textos explicativos). São Paulo: Editora Vida, 2003.

BÍBLIA DE ESTUDO DA MULHER DE FÉ: Nova Versão Internacional. Editora Geral: Jean E. Syswerda. Tradução: Cecília Eller. São Paulo: Editora Vida, 2014.

120. MULHER DA BÍBLIA: Maaca

REFERÊNCIA BÍBLICA: 1 Reis 15:2, 10, 13

SIGNIFICADO DO NOME: “Opressão”, “Depressão”, “Pisando”

LOCAL: Jerusalém

ÉPOCA: 944 a.C.

RELACIONAMENTO COM DEUS:

  • Uma mulher idólatra

RELACIONAMENTOS COM O PRÓXIMO:

  • BISAVÓS: Davi e Maaca

  • AVÓS: Absalão e esposa

  • PAIS: Uriel e Tamar

  • ESPOSO: Roboão

  • SOGRO: Salomão

  • FILHO: Abias

  • NETO: Asa

RESUMO DA HISTÓRIA:

Bisneta de Talmai, princesa de Gesur, se casou com Roboão, filho de Salomão, seu primo de 2º grau. O casal gerou a Abias, que gerou Asa. Este a depôs da posição de rainha-mãe porque Maaca usou de sua influência para levar o povo à idolatria.

PROPÓSITO:

  • Mostrar o poder da influência de uma mulher no cargo de rainha.

DEVO EVITAR:

  • Não posso usar minha influência para o mal, afastando pessoas de Deus.

REFERÊNCIAS CONSULTADAS:

A BÍBLIA EM ORDEM CRONOLÓGICA: Nova Versão Internacional/edição autorizada da obra de Edward Reese (org.); tradutor Judson Canto (títulos e textos explicativos). São Paulo: Editora Vida, 2003.

BÍBLIA DE ESTUDO DA MULHER DE FÉ: Nova Versão Internacional. Editora Geral: Jean E. Syswerda. Tradução: Cecília Eller. São Paulo: Editora Vida, 2014.

121. MULHER DA BÍBLIA: Jezabel

REFERÊNCIA BÍBLICA: 1 Reis 16:31; 18:4, 13, 19; 19:1-2; 21:5-15, 23, 25; 22:52

SIGNIFICADO DO NOME: “Casta”, “Onde está Baal”

LOCAL: Tiro, Samaria

ÉPOCA: 889 a.C.

RELACIONAMENTO COM DEUS:

  • Inimiga de Deus e de seus servos

RELACIONAMENTOS COM O PRÓXIMO:

  • PAI: Etbaal

  • ESPOSO: Acabe

  • FILHOS: Atalia e filhos

RESUMO DA HISTÓRIA:

Uma estrangeira, casou-se com Acabe, rei de Israel (Reino do Norte), instituiu o culto a Baal e a Aserate, construiu um grande templo para seus deuses em Samaria, perseguiu e matou muitos profetas de Deus, dominou o reino, tomando decisões e usando o sinete real. Ela morreu de forma trágica, como punição de seus pecados e rebeldia.

PROPÓSITO:

  • Servir de ilustração do que uma mulher não deve ser.

DEVO EVITAR:

  • Não posso ser idólatra. Devo servir somente a Deus.

  • Não posso tomar a posição de liderança de meu esposo. Devo ser submissa a ele.

  • Não posso usar de minha influência e causar danos sérios a pessoas inocentes.

DESTAQUE:

“Essa rainha sidônia de Israel combinava os piores elementos da prepotência, da violência e da licenciosidade das rainhas orientais da antiguidade. A iniquidade dela era tão grande que se tornou proverbial, conforme vemos em 2 Reis 9:22. De fato, ela obteve um lugar permanente, nas Escrituras Sagradas, como símbolo de iniquidade e barbaridade femininas. Em Apocalipse 2:20, seu nome é usado simbolicamente como tipo de líder feminino que corrompeu a Igreja cristã primitiva, provavelmente algum tipo de profetisa gnóstica.”

Russell Norman Champlin, “O Antigo Testamento Interpretado”.

REFERÊNCIAS CONSULTADAS:

A BÍBLIA EM ORDEM CRONOLÓGICA: Nova Versão Internacional/edição autorizada da obra de Edward Reese (org.); tradutor Judson Canto (títulos e textos explicativos). São Paulo: Editora Vida, 2003.

BÍBLIA DE ESTUDO DA MULHER DE FÉ: Nova Versão Internacional. Editora Geral: Jean E. Syswerda. Tradução: Cecília Eller. São Paulo: Editora Vida, 2014.

CHAMPLIN, Russell Norman. O Antigo Testamento Interpretado: VERSÍCULO POR VERSÍCULO: Gênesis. São Paulo: Hagnos, 2001. Vol. 2

📎 PDF – AGOSTO

1 comentário

  1. Luciane santos · agosto 2, 2018

    muito bom!!

    Curtir

Obrigada por seu comentário! Ele será lido e aprovado em breve.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s