O Baile da Vida

LisLand - O Baile da Vida

Para ler ao som da

Sonata Nº 29 in B-flat major

Hammerklavier, de Beethoven.

Madame de Si pôs como propósito de vida ser amada por um homem. Seu olhar instintivo detectou o par ideal. Descartou a possibilidade de um amor não correspondido e pensou ser a mais sortuda das mulheres quando o escolhido retribuiu o seu afeto e a pediu em casamento.

Logo nos primeiros dias de convivência percebeu que se iludira ao achar que ele corresponderia à idealização do esposo amável. A cada discussão sua alma devastada era a dura prova do erro em confiar num estranho para a concretização de seu sonho.

Resolveu ampliar seus horizontes e apostou tudo num filho. Poderia ter tido dificuldades para engravidar, ou sofrer um aborto, mas a sorte parecia estar realmente ao seu lado. Ela cercou seu bebê de cuidados, ele cresceu e se casou.

Ela ficou sozinha lamentando suas perdas e frustrações. Sua rotina era estar em frente ao espelho sentindo pena de si mesma. Não tinha mais nada, nem contribuíra com o mundo, e mesmo se o fizesse não conseguiria livrar-se do senso de inutilidade. E agora havia envelhecido.

Em meio a agonia chegou às suas mãos um convite contendo algumas palavras que desafiavam toda a forma de vivera até então.

“Pois o seu Criador é o seu marido, o Senhor dos Exércitos é o seu nome, o Santo de Israel é seu Redentor; ele é chamado o Deus de toda a terra.” Isaías 54:5

[…]

“Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. Pois Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para condenar o mundo, mas para que este fosse salvo por meio dele.” João 3:16-17

Aquelas palavras tiveram um poder extraordinário sobre ela. Por fim, resolveu aceitar o Amor, abriu caminho para o perdão, sentiu as feridas de seu coração cicatrizarem, em seu âmago soube que Deus havia cumprido todo o propósito para guiá-la à eternidade com Ele. Não se tratava de sorte, mas sim de graça. E depois, ela ganhou um novo nome.Folheto

Anúncios

2 comentários

  1. Ellen · janeiro 31, 2015

    Lindo observar o amor de nosso Senhor através desta ilustração. 🙂
    Beijo

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s